Geral,Jaraguá ,Saúde

Jaraguá Mais Saudável marca seminário para abril

Foto: Divulgação

O encontro remoto realizado na sexta-feira (26) com voluntários dos grupos de trabalho do Programa Jaraguá Mais Saudável, teve como finalidade alinhar a organização do Seminário Cidades Mais Saudáveis. O evento, programado para ocorrer de forma virtual, por meio do YouTube, nos dias 27, 28 e 29 de abril, terá transmissão das 19 às 20h30. Entre os participantes constam o pastor William Bretzke e Bárbara Bretzke, psicóloga especialista em comportamento alimentar, que abordarão a temática “Qualidade de Vida: um Processo Multifatorial”. O seminário faz parte do plano de ações para este ano e conta com planejamento dos grupos voluntários de trabalho.

O programa atua na mudança de comportamento da população, baseado nos pilares comer, mover e pertencer, buscando parcerias e criando oportunidades que estimulem a adoção de hábitos saudáveis, qualidade de vida e longevidade da comunidade.

Leia mais

A reunião abordou também ações a serem tomadas tendo como base os resultados de pesquisa realizada no bairro Ilha da Figueira, entre 2019 e 2020, com uma amostragem de 383 entrevistados. Conforme a analista do programa, Luciana Dupont, o bairro foi escolhido por ser o mais populoso e com a maior incidência de mortes por Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT), segundo dados levantados junto à secretaria  de Saúde.

As DCNT são doenças consideradas silenciosas como hipertensão arterial, diabetes, cânceres e doenças respiratórias, responsáveis por 72% óbitos no Brasil. A pesquisa apontou indicadores como sobrepeso e obesidade, pouco hábito de leitura, índices elevados de estresse e ansiedade, pouco consumo de alimentos integrais e também baixa frequência de atividades físicas, além de pouco envolvimento social com a comunidade.

A partir destes dados, o programa planeja a aplicação de ações para a mudança dos indicadores apontados. De acordo com Luciana, com os resultados deste trabalho, ações de mesma natureza poderão ser desenvolvidas em outras regiões da cidade.

Fundada em abril de 2019, a Associação é resultado de uma mobilização que envolve sociedade civil, empresários e poder público desde 2016, tendo como base as melhores experiências nacionais e internacionais para programas de saúde e qualidade de vida.

Quer saber das notícias de Jaraguá do Sul e Região primeiro? CLIQUE AQUI e participe do nosso grupo de WhatsApp!